O olho seco ou queratoconjuntivitis seca é uma alteração que ocorre pela falta de lágrimas ou por má qualidade das mesmas e ocorre na superfície corneal e na conjuntiva. Afecta uma parte significativa da população, especialmente aos mais de 40 anos de idade, e na maior parte homens como mulheres. Hoje, temos como tratar a secura ocular. Causas de secura ocular As causas de secura ocular podem ser devidas à idade, alterações hormonais ou doenças auto-imunes, a síndrome., artrite reumatóide ou lúpus. Alguns medicamentos, como os anti-histamínicos, antidepressivos, bloqueadores beta e contraceptivos orais podem diminuir a produção de lágrimas. Sintomas de secura ocular Os sintomas de secura ocular são a sensação de corpo estranho, ardor ou comichão, vermelhidão dos olhos –conjuntivite-, visão turva e sensibilidade à luz. Estes sinais parecem piorar em climas secos ou ventosos e com altas temperaturas e baixa umidade, bem como com o uso prolongado dos olhos, como ler ou assistir televisão, e até o final do dia. Tratamento da secura ocular No que diz respeito ao tratamento da secura ocular, a maioria das pessoas com síndrome de olho seco sofrem de um problema chato, já que os sintomas se interpõem na realização das atividades da vida diária, como ler ou assistir televisão. Para ajudar a aliviar os sintomas da síndrome do olho seco, deve ter em conta algumas dicas de cuidados pessoais, que podem te ajudar: – Coloque um umidificador para adicionar mais umidade no ar, isso fará com que as lágrimas evaporam mais lentamente, mantendo os olhos mais confortável. Deve lembrar-se de que os aquecedores e ar condicionado diminui a umidade do ar e seca os olhos. – O consumo diário de suplementos diários de ácidos gordos Omega-3, também ajudam a aliviar os sintomas e é bom para tratar a secura ocular. – Quando os olhos estão secos, ciérralos durante 10 segundos a cada cinco ou dez minutos e pisca com mais freqüência, isto aumentará o bem-estar dos mesmos. – As lágrimas artificiais, gotas e géis, de preferência, sem conservantes, quando são utilizadas várias vezes ao dia, fornecem mais umidade e lubrificação da superfície do olho e podem ser usados tão frequentemente quanto necessário, proporcionando um alívio dos sintomas. – As compressas quentes e massagens ajudam a fornecer uma camada lipídica mais estável, especialmente em pessoas que sofrem de uma disfunção da glândula de Meibomio, rosácea, ou blefaritis. O calor aquece o óleo nas glândulas sebáceas, que juntamente com a massagem faz com que flua mais facilmente. – Pomadas para os olhos são mais grossas que as gotas lubrificantes, por isso duram mais do que as gotas lubrificantes, mas devido à sua espessura, podem nublar a visão se forem utilizados durante o dia, o que, para tratar a secura ocular são adequados para lubrificar os olhos durante a noite, durante o sono.

Post Navigation